postado por Rafaella Silveira no dia 08.07 arquivado em #beyoncé

No último show da Formation World Tour, dia 7 de julho, em Glasglow, Beyoncé pediu um momento de silêncio em homenagem às vitimas de brutalidade policial nos Estados Unidos, enquanto nomes de diversos negros assassinados eram exibidos em um alto monólito de 60 pés.

A música escolhida para honrá-los não foi aleatória: “Freedom” é uma canção que aborda questões raciais explicitamente (leia a tradução aqui). Os fãs que presenciaram esse ato comovente em prol do movimento #BlackLivesMatter relataram que Beyoncé estava em lágrimas.

Em outro momento do show, ela agradeceu dizendo “Quero dizer obrigada a vocês, pessoal, por cantarem comigo na chuva esta noite… até mesmo o céu chora,” fazendo referência ao luto pelas perdas recentes dos jovens Alton Sterling, de 37 anos, morto na porta de um supermercado, onde vendia CDs e Philand Castile (32), que perdeu a vida após ser parado em uma blitz no estado de Minessota.


Deixe seu comentário
Beyoncé Brasil Todos os direitos reservados