postado por Fernando J. no dia 07.07 arquivado em #beyoncé

Essa semana, ocorreram dois assassinatos por policiais nos Estados Unidos que chocaram o mundo e, em ambos casos, as vítimas eram NEGRAS! Alton Sterling, de 37 anos, morto na porta de um supermercado onde vendia CDs e, Philand Castile, de 32 anos, morto após ser parado em uma blitz no estado de Minnesota.

Hoje, através de seu site oficial, Beyoncé publicou uma carta aberta mostrando toda sua indignação sobre os casos.

“Nós estamos doentes e cansados das mortes de homens e mulheres jovens em nossas comunidades.

Cabe a nós tomar uma posição e exigir que eles ‘Parem de nos matar’.

Nós não precisamos de sua simpatia. Precisamos que todos respeitem nossas vidas.

Nós vamos nos levantar como uma comunidade e lutar contra qualquer um que acredite que o assassinato ou qualquer ação violenta por aqueles que juraram nos proteger deva ser consistentemente impune.

Esses roubos de vidas fazem com que a gente se sinta desguardado e sem esperança, mas temos de acreditar que estamos lutando pelos direitos da próxima geração, para os próximos homens e mulheres jovens que acreditam no bem.

Isso é uma luta humana, não importa sua raça, gênero ou orientação sexual, isso é uma luta por qualquer um que se sinta marginalizado e por quem está lutando pela liberdade e direitos humanos.

Isto não é um apelo só a todos os agentes da polícia, mas para qualquer ser humano que não valoriza a vida. A guerra contra as pessoas de cores e minorias precisa de um fim.

O medo não é uma desculpa. O ódio não vai ganhar.

Todos nós temos o poder de canalizar a nossa raiva e frustração em ações. Devemos usar nossas vozes para entrar em contato com os políticos e legisladores nos nossos distritos e exigir mudanças sociais e judiciais.

Enquanto oramos para as famílias de Alton Sterling e Philando Castile, também vamos orar por um fim desta praga de injustiça em nossas comunidades.”

– BEYONCÉ

No começo do ano, Beyoncé lançou o vídeo de “Formation”, onde aborda a violência racial praticada pelos policiais nos Estados Unidos.


Deixe seu comentário
Beyoncé Brasil Todos os direitos reservados